YANNICK DELASS E A MÚSICA DA ÁFRICA NA CASA BRASILEIRA

Na Semana da Consciência Negra/2018, a Casa Brasileira traz para um encontro musical na quinta-feira (22 de novembro), às 20h, o cantor, compositor e guitarrista congolês Yannick Delass, com objetivo de ampliar o diálogo com a produção musical contemporânea africana.

 

Nascido aos 21 de novembro de 1984 em Kinshasa, na República Democrática do Congo, Yannick Delass começou a cantar muito jovem no coral da igreja de sua comunidade. Formou-se em canto e harmonia musical no centro Reveil Du Salut (R.D.Congo) e integrou bandas que contribuíram para sua evolução musical como “FTR Music” e “Banda da Ilha”. Aos 20 anos de idade, deixou a República Democrática do Congo para conhecer o mundo e viver de sua música engajada. Morou no Gabão, na África do Sul, na Indonésia, em São Tomé e Príncipe e em Cabo Verde antes de chegar ao Brasil. Depois de ganhar o prêmio de  melhor música no V Festival de Música e Poesia do Migrante em São Paulo, o artista decidiu permanecer por aqui.

 

 

Com 3 discos autorais, “Stop”, “Outros Rios” e “Spoir” (Esperança), que tratam de temas como racismo, imperialismo e migrações, Yannick considera-se um viajante que busca transmitir uma visão diferente da África, por meio da arte.
”A idéia de convidar Yannick Delass é dar visibilidade à música africana contemporânea, além de conhecer a produção musical de diferentes partes da África”, explica a cantora Luciana Oliveira, responsável pela curadoria da Semana da Consciência Negra na Casa Brasileira. O pensamento do artista, segundo Luciana, é de que existe no Brasil uma dificuldade de olhar a África como um continente e, como tal, com uma diversidade cultural imensa. “Mesmo sendo constituído por forte herança africana, o Brasil pouco dialoga com a África e pouco se conhece aqui da produção artística daquele continente, da literatura à música com a multiplicidade de instrumentos e ritmos das suas várias regiões”, afirma Luciana.

 

Na Casa Brasileira, em São Sebastião, Yannick apresentará o repertório do último CD, Spoir, e outras canções que marcam sua trajetória artística. Um olhar profundo sobre a realidade da vida na África e sobre as novas diásporas que atingem atualmente parte das populações do continente. A República Democrática do Congo ou Congo-Kinshasa (nome oficial em francês: République Démocratique du Congo) estálocalizada na África Central e é um dos maiores países do continente. A língua oficial é o francês, mas existem muitos idiomas falados por diferentes comunidades, como o kituba, quicongo, o tshiluba, o lingála e o suahili entre outros.

 

 

Serviço:
Yannick Delass – encontro musical na Casa Brasileira
Dia 22 de novembro – às 20h
Local: Av. Dr. Altino Arantes, 80 – Centro São Sebastião-SP 
Ingressos à venda na Casa Brasileira: R$ 30,00 ou pelo Eventbrite
Informações : (11) 9 98388794
Renda revertida para os projetos educacionais do Instituto Mpumalanga
Apoio: MULTCAR SERVIÇOS AUTOMOTIVOS